Valores e Virtudes

 Home / Valores e Virtudes

O Projeto Semear propõe trabalhar com a disseminação de informações e práticas de ações construtivas, através de palestras, cursos e vivências, voltadas para setores ou parcelas mais vulneráveis da nossa sociedade. Nesse projeto, trabalhamos com atividades voltadas para o feminino,  para as comunidades rurais, com geração de renda e inserção social, capacitação para jovens em situação de risco, mudanças de paradigma sócio-cultural, dentre outros.

 

A ideia central do Projeto Semear é ofertar informações de qualidade e novas práticas, numa linguagem adequada, com ferramentas que levem a uma nova ética e cidadania, inclusive com aspectos e valores espirituais.

 

Neste projeto, uma série de palestras e cursos foram e estão sendo ministrados, principalmente em parceria com o Instituto Brasilan e com a organização Brahma Kumaris, com o foco na temática de um  “Pacto pela Paz”.
Outra ação dentro do projeto Semear, é o curso “Direitos da Mulher”.

 

O que é o Curso: “Direitos da Mulher”

O Instituto Espinhaço em parceria com o Instituto Brasilan disponibiliza as  experiências do “Projeto Escola da Mulher”, desenvolvido pelo Instituto Brasilan, através de ciclos de palestras que visam propiciar à mulher participar de maneira plena e positiva no seu meio familiar e social, via aquisição de conhecimentos básicos e práticos referentes a forma de exercer seus direitos em relação a questões de família e cidadania, possibilitando assim a sua realização como ser humano e despertando a consciência da importância de seu papel na sociedade.

 

Serão promovidos  ciclos curtos de quatro palestras cada, versando temas variados e independentes entre si, de modo que cada participante  freqüente os ciclos que lhe despertarem interesse.

I.   A Mulher: seus direitos e deveres na família

  • Casamento: Regime de bens; direitos e deveres dos cônjuges;
  • Concubinato: Direitos e Deveres dos companheiros;
  • Dissolução da sociedade conjugal : Divórcio, separação de fato;
  • Proteção dos filhos: Alimentos.

II.   A Mulher: seus direitos e deveres na sociedade

  • Direitos e deveres constitucionais;
  • Capacidade Jurídica;
  • Relações de trabalho;
  • Direitos do consumidor.

As palestras serão ministradas pela Magistrada Maria de Lourdes Valle, Desembargadora do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, licenciada em História e Membro do Instituto Brasilan.

Para potencializar nossa parceria com o Instituto Brasilan, em junho de 2010, foi celebrado um acordo de cooperação entre o Instituo Espinhaço e o Instituto Brasilan. Este referido acordo tem como objeto incentivar, apoiar e fomentar a pesquisa histórica e de conhecimentos, saberes tradicionais, a adoção de novas técnicas e paradigmas visando a busca por sustentabilidade cultural, ecológica, territorial, social, econômica, dentre outras, por meio de programas, cursos, palestras, eventos, publicações, seminários e congressos nas áreas de saúde integral, gastronomia, meio ambiente, ecologia, turismo, arquitetura, patrimônio cultural, urbanismo e educação. Este projeto pretende tornar-se solo fértil para a implantação de uma CULTURA DE PAZ, vinculada a uma nova ética planetária, nas regiões da Serra do Espinhaço e do Brasil

O Projeto Dharma tem seu propósito fundamentado na própria origem da palavra que dá nome ao projeto. Dharma significa “Lei Natural” ou “Realidade”. Contudo, seu significado espiritual, pode ser considerado como o “Caminho para a Verdade Superior”.

 

E é neste sentido que o Instituto Espinhaço, em parceria com várias outras organizações nacionais e internacionais,  que visem o estudo, a prática e a difusão de valores e virtudes que promovam uma elevação  ética, moral e espiritual do homem, promoverá uma série de palestras, cursos, vivências, dentre outras ações.

 

As ações deste programa serão desenvolvidas entre instituições que tenham em seus princípios fundamentais e objetivos, uma sinergia para promover o resgate e a re-introdução de valores essenciais para uma cultura de paz em todas as cidades que compõe a serra do Espinhaço.

O Projeto Flor da Vida propõe trabalhar com a pesquisa, resgate de saberes tradicionais, catalogação de espécies de plantas utilizadas na farmacopéia tradicional, recuperação e registro de receitas e simpatias, aliados ao cultivo de plantas e distribuição de chás e produtos para a saúde dos cidadãos. O projeto está alicerçado num amplo programa com envolvimento social, uso sustentável do solo e água, produção orgânica, valorização dos saberes tradicionais e utilização de valores espirituais agregados a toda esta rede de produção e distribuição de produtos, visando a saúde integral do homem.

 

A proposta contida no Projeto será levada à implantação em várias regiões do Espinhaço. Um projeto piloto está sendo implantado em Conceição do Mato Dentro, na região do Vale do Córrego Dourado.

O EcoArte é um conjunto de técnicas de reciclagem artesanal que resultou na criação e desenvolvimento de uma linha exclusiva de produtos feitos através da reciclagem de sacolas plásticas, caixas de leite, latas e garrafas de refrigerantes, garrafas de vidro e toda espécie de insumos não degradáveis.
EcoArte – reciclando corações para a paz.

 

Por meio desse Projeto, o Instituto Espinhaço, em parceria com o Instituto Brasilan, visa difundir essa metodologia para as comunidades de baixa renda, propiciando a inclusão social, o aumento da renda familiar e uma ecopedagogia, onde a arte de reciclar renova as mentes, os corações e o planeta.

Quem Somos

O Instituto Espinhaço – Biodiversidade, Cultura e Desenvolvimento Socioambiental, é uma ONG sem fins lucrativos que atua em convergência as estratégias propostas pela Unesco para o desenvolvimento dos territórios inseridos em uma reserva de biosfera...

Onde Estamos

  •   Rua José Sena 26 A – Rosário – Conceição do Mato Dentro - Minas Gerais
  •   (31) 3868.2362
  •   institutoespinhaco@institutoespinhaco.org.br

Siga-nos